Torcida do Botafogo zoa Muralha, do Flamengo: "Frangueiro"


Alex Muralha, do Flamengo – Foto: Gilvan de Souza

EXTRA GLOBO: O clima de rivalidade entre Flamengo e Botafogo não tomou conta do estádio Nilton Santos até o aquecimento dos goleiros. Mesmo com pouco público na partida pelo Brasileiro, a decisão rubro-negra de relacionar Diego Alves e Alex Roberto, deixando Thiago de fora, gerou provocação no estádio.

Depois de entrar em campo, os goleiros do Flamengo participaram do aquecimento e, ao voltar para o vestiário, Alex se deparou com as brincadeiras da torcida alvinegra, que o chamou de “frangueiro”.
O duelo não registrou incidentes nos acessos ao Nilton Santos antes de a bola rolar. A torcida do Flamengo apareceu em pequeno número e sequer teve escolta da Polícia Militar.
Antes do jogo, uma cena curiosa. O preparador de goleiros do Botafogo, Flavio Tênius, conversava com o presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, ao lado de outros dirigentes rubro-negros. O preparador do Flamengo, Victor Hugo, vive momento delicado diante das falhas dos atletas do clube.